TikTok na mira da justiça americana

Estados americanos se unem para entender se o TikTok está prejudicando crianças e adolescentes.

Massachusetts e outros sete estados americanos estão investigando se o TikTok está utilizando estratégias de marketing de um jeito que prejudique a saúde física e mental dos jovens.

“Uma vez que crianças e adolescentes já estão se deparando com questões de ansiedade, pressão social e depressão, não podemos permitir que as mídias sociais causem ainda mais danos à saúde física e ao bem-estar mental deles”, disse a procuradora geral de Massachussetts Maura Healey em uma declaração. “Os procuradores geral têm o imperativo de proteger os jovens e buscar mais informação sobre como empresas como o TikTok estão influenciando suas vidas”.

Os procuradores gerais planejam se concentrar nos métodos que a rede social usa para atrair os jovens de modo que eles gastem mais tempo na plataforma ou abram o aplicativo com mais frequência. Nos últimos meses, o TikTok já estava na mira de autoridades americanas, mas tudo piorou quando, em setembro de 2021, o Wall Street Journal publicou uma investigação sobre como o aplicativo às vezes recomenda vídeos sobre temas adultos, como drogas e sexo, para menores.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, já afirmou que deseja regulamentar as plataformas, proibindo publicidade para menores e exigindo que as empresas deixem de coletar dados pessoais dos jovens. “Precisamos responsabilizar as plataformas sociais pelo experimento nacional que estão conduzindo em nossas crianças visando o lucro”, disse Biden em um discurso.

Em resposta, o TikTok declarou que iria fornecer informações sobre os passos que tem tomado para proteger a segurança e privacidade dos adolescentes. “Nós nos importamos profundamente em fornecer uma experiência que ajuda a proteger e apoiar o bem-estar de nossa comunidade, e apreciamos que os procuradores gerais estejam focando na segurança dos usuários jovens”, disse a porta-voz do TikTok Hilary McQuaide em uma declaração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.