Desconfiança de líderes gera “teatro da produtividade”

Para lidar com líderes desconfiados, trabalhadores estão tendo que adotar comportamentos apenas para mostrar produtividade

De acordo com uma nova pesquisa realizada pelas empresas de software Qatalog e GitLab, trabalhadores remotos continuam desperdiçando uma hora do dia com o “teatro da produtividade”. Isso porque eles sentem que, se não fizerem isso, os líderes podem achar que não estão se dedicando o suficiente, como reportou o site Inc.

Eles ingressam em reuniões online que sabem que vão ser inúteis, respondem a e-mails em horários estrategicamente selecionados ou ficam ostensivamente online para convencer os colegas de que estão trabalhando o suficiente.

A pesquisa, que ouviu 2 mil pessoas nos Estados Unidos e Reino Unido, apontou que 54% dos profissionais dizem que seus colegas estão presos a velhos hábitos e 63% acreditam que a gestão e a liderança sênior dentro de sua organização ‘preferem uma cultura tradicional com funcionários no escritório’.

Quando os funcionários não podem estar no escritório, então, se mostrar online é a coisa mais próxima a se fazer. 

O que isso mostra é que não basta oferecer flexibilidade sem uma cultura que, de fato, permita que ela aconteça. Se os colaboradores sentem necessidade de fazer o “teatro da produtividade”, fica claro que há um problema de confiança e de gestão de expectativas por parte dos chefes.

No relatório da pesquisa, Tariq Rauf, CEO e fundador da Qatalog, afirmou que podemos ter perdido a chance de transformação real que a pandemia trouxe.

“As mudanças dramáticas no ambiente de trabalho que a pandemia trouxe foram uma oportunidade única de remodelar a forma como trabalhamos para sempre”, disse. “Nós poderíamos ter reestruturado o trabalho para ser assíncrono, nos permitindo adaptar o trabalho para servir para nossas vidas, mas falhamos. Nossa pesquisa mostra que estamos voltando aos velhos hábitos – hábitos que deveriam ter sido deixados de lado quando tivemos a chance”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.