Conhecida pelos artigos de luxo, Macy’s vai entrar no ramo pet

Rede de lojas de departamento vai apostar nos itens para os bichinhos, além de decoração e brinquedos, para a retomada no pós-pandemia

A tradicional rede de lojas de departamento Macy’s, conhecida por seus artigos de luxo, vai começar a vender produtos para pets. Após sofrer com as medidas de isolamento durante a pandemia, a estratégia da empresa agora é diversificar seu portfólio. Além de itens para os animais, incluirá em seu catálogo objetos de decoração e brinquedos.

O anúncio foi realizado pelo CEO e presidente da rede, Jeff Gennette no final de maio. Segundo ele existem “oportunidades emergentes em que os clientes demonstraram interesse em expandirmos nosso sortimento”, disse o executivo durante conferência para os acionistas.

Além das categorias mencionadas, ele acrescentou que o varejista pode ver potencial na introdução de alimentos e vinhos, bem como itens de saúde e bem-estar em seu portfólio.

“Temos liquidez e flexibilidade em nossos estoques para atender às necessidades dos clientes”, disse o executivo-chefe. “Nosso grande foco em categorias novas e emergentes é garantir que temos o portfólio certo para este cliente com menos de 40 anos.”

A aposta dividiu especialistas. Enquanto alguns afirmam que a diversificação é um bom caminho, outros acreditam que a expansão pode atrapalhar o foco da marca e fazer com que a recuperação da Macy’s demore ainda mais. De acordo com o Instituto Pet Brasil, no mundo todo existem cerca de 1,6 bilhões de animais de estimação, a maior parte deles (50%) nos Estados Unidos. Com essa oferta de clientes, talvez a aposta da Macy’s seja certa. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *