Empresa adota mesmo salário para todos

Para CEO de loja online, é injusto a diferença no salário entre CEO e demais funcionários

Madeline Pendleton, proprietária da loja online Tunnel Vision, viralizou nas redes sociais depois de explicar como ela administra o seu negócio sem ser “egoísta”. Como ela faz isso? Pagando o mesmo salário para todos os funcionários da empresa, inclusive ela própria.

De acordo com a empreendedora, ela pega os 730 mil dólares destinados à folha de pagamento e divide pelos 10 funcionários, garantindo que todos recebam, por ano, 73 mil dólares. No vídeo, Pendleton critica os salários milionários dos CEOs americanos e defende que as empresas também adotem as remunerações mais equalizadas.

“É apenas a redistribuição da renda”, diz Pendleton no vídeo. Ela cita um estudo do Economic Policy Institut, que descobriu que, em 2020, os CEOs das 350 maiores empresas dos Estados Unidos tiveram um ganho, em média, de 24,2 milhões de dólares. O relatório também mostrou que, desde 1978, o salário médio dos executivos disparou 1.322%, enquanto cresceu apenas 18% para o restante dos trabalhadores.

“É ridículo”, disse Pendleton. “Isso é o que os CEOs estão fazendo para que eles possam ganhar 24 milhões de dólares no ano enquanto vocês ganham 30 mil ou qualquer coisa assim”. E ela não está sozinha. A crítica de Pendleton tem sido a de vários americanos depois da pandemia, quando muitos perderam renda, tornando a desigualdade de ganhos nas organizações ainda mais evidente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.